O curso Técnico  em Contabilidade a ser implantado em 2015 visa atender às necessidades das escolas auxiliando um contador na escrita da empresa.

As pequenas escolas podem ter apenas um técnico em contabilidade para a elaboração do livro caixa, controles fiscais, cobranças, etc

Assim criamos o curso técnico à distância, para que a escola possa aproveitar outros profissionais ainda não habilitados, para atender a esta função tão importante para o bom desempenho da escola dentro da comunidade.

Desta forma, está se colocando à disposição da comunidade, uma excelente opção para atendimento às necessidades das escolas, e com preparo para que o aluno possa atuar imediatamente no mercado de trabalho local.

Trata-se de um curso técnico de nível médio, na modalidade de ensino à distância, com duração de oito meses e um encontro presencial mensal.

Ao final do curso receberá um diploma de Técnico em Contabilidade que publicado em diário oficial, o habilitará ao exercício da função em todo o país.

O técnico em contabilidade possui, atualmente, um campo de trabalho dos mais favoráveis, já que toda escola necessita de profissional contábil, quer de curso superior ou de nível técnico

Objetivos do Curso Técnico em Contabilidade com especialização em escolas e cursos

Formar profissionais aptos a analisar, compreender e processar informações contábeis e gerenciais fundamentadas em princípios (registro e classificação de fatos contábeis), elaborando livro caixa, balancetes e demonstrações de forma analítica ou sintética e orçamentos de qualquer tipo (econômicos, financeiros, patrimoniais e de investimentos), além de organizar, controlar e arquivar os documentos relativos à atividade contábil especialmente numa pequena empresa e mais:

1- Viabilizar a concretização do negócio, compatibilizando com a legislação societária e tributária, a fim de atender as expectativas dele sobre a atividade empresarial a ser desenvolvida.
2- Realizar os procedimentos de abertura de empresa, nas esferas federal, estadual e municipal, tendo em vista a especificidade da atividade e as exigências legais, inclusive aquelas definidas pelos órgãos reguladores, a fim de possibilitar o melhor enquadramento legal e fiscal para o cliente.
3- Elaborar planilhas contendo gastos, custos e preços, com base nos aspectos tributários, trabalhistas, previdenciários e contábeis, e nas etapas do processo produtivo, de modo a fornecer subsídios à organização para a tomada de decisão.
4- Elaborar folha de pagamento, seus acessórios e os relatórios pertinentes, considerando conhecimentos e habilidades na aplicação de doutrina, legislação trabalhista e previdenciária e jurisprudência, de modo a possibilitar que a empresa cumpra as exigências legais e sociais.
5- Escriturar livros fiscais, com base em notas fiscais emitidas e recebidas, mobilizando conhecimentos e habilidades relacionados com a apuração de tributos, de modo a atender a legislação tributária.
6- Conferir documentos fiscais, orientar a escrituração fiscal e elaborar as obrigações acessórias, valendo-se de conhecimentos sobre a legislação tributária e habilidades na aplicação das normas vigentes, de modo a assegurar que a empresa esteja em conformidade com suas obrigações fiscais.
7- Realizar a classificação e registros contábeis dos fatos que afetam o patrimônio das pessoas e organizações, considerando os princípios contábeis, a estrutura dos demonstrativos contábeis, o ramo de atividade e a legislação vigente, viabilizando para o cliente o diagnóstico da saúde financeira da sua organização.
8- Realizar a conciliação de contas, com base no razão e balancete de verificação, analisando dados e informações geradas pelos fatos contábeis e realizando os ajustes necessários, de modo a garantir a autenticidade das informações contidas nas demonstrações contábeis.
9-Propor medidas para a redução de custos e despesas nas operações da empresa, com base na análise da estrutura de custos do negócio, na legislação pertinente e no ramo do ensino

10- Controlar e adequar à estrutura de custos, despesas e preços das mensalidades e vendas, visando garantir a sustentabilidade do negócio.                                                                                                                                        11- Demonstrar o desempenho econômico-financeiro da organização a partir das demonstrações contábeis e financeiras, utilizando métodos e ferramentas específicos, a fim de contribuir para o processo de tomada de decisões gerenciais.

12- Propor alternativas para a redução de impactos na situação financeira e patrimonial da empresa, provocados por ocorrências ambientais e sociais, antevendo-as e avaliando suas conseqüências.

Última atualização: quinta, 3 setembro 2015, 06:28